Qual a maneira correta de fazer um planejamento financeiro? Entenda!

planejamento financeiro
6 minutos para ler

Sempre que o tema “planejamento financeiro” surge, qual é a sua maior dúvida? Você sabe quais são as melhores maneiras de aplicá-lo e como usar a tecnologia a seu favor?

Infelizmente, ainda é grande o número de pessoas que não entendem a importância do planejamento financeiro, tanto para as finanças pessoais quanto para as empresas.

Para evitar que você caia nesse erro e comprometa a sua renda, criamos um conteúdo explicando a importância do planejamento financeiro, os detalhes mais importantes e, principalmente, como fazer o seu controle por meio da tecnologia. Acompanhe!

A importância de ter um planejamento financeiro

O mercado de prestação de serviços tende a ser imprevisível: os empreendedores raramente sabem qual será, de fato, a renda no mês seguinte. Isso faz com que muitos fiquem inseguros a respeito de suas finanças. É necessário, então, ter um bom planejamento, principalmente se considerarmos os casos de imprevisibilidade.

Se você é um microempreendedor que quer melhorar a vida financeira, precisa entender quanto gasta todos os meses, qual é a média de lucros e quais são as sazonalidades do seu negócio. Também deve definir seus objetivos e, claro, os gastos que serão reduzidos e poupados a partir de então.

6 dicas essenciais para um bom planejamento financeiro

Para começar a fazer o seu planejamento financeiro, é preciso ter cuidado com alguns detalhes. Providencie caneta e papel na mão: vamos citar os pontos que mais precisam de atenção.

1. Anote todas as transações financeiras

O primeiro passo é anotar todas as suas transações financeiras. Nesse momento, você precisa criar uma lista sobre tudo o que está recebendo mensalmente, além de todos os seus gastos.

As despesas podem ser divididas, por exemplo, entre previstas (contas de água, luz, telefone etc.) e supérfluas, como aquelas compras que fazemos por impulso, sem necessidade.

2. Saiba quais são os seus gastos

Parece um pouco óbvio, mas são poucas as pessoas que realmente conhecem seus gastos. Um cafezinho aqui, um docinho ali, e o dinheiro acaba sumindo no fim do mês.

Para evitar que isso aconteça, a sugestão é ter um caderno onde você possa anotar, diariamente, tudo o que está gastando: passagens de ônibus, refeições, lanches, itens que foram comprados, contas pagas, e muito mais.

Ao fim do mês, você poderá analisar quais foram os seus gastos, qual área da sua vida está demandando mais dinheiro e o que pode (e deve) ser cortado para que tenha muito mais controle no próximo mês.

3. Defina metas e objetivos no seu orçamento

O planejamento financeiro também permite que você se organize para realizar seus sonhos e aumentar a sua tranquilidade.

Por isso, defina as metas e os objetivos no seu orçamento, de modo que tenha uma motivação ainda maior para economizar no dia a dia. Um exemplo de incentivo é fazer uma viagem com a família no fim do ano.

Faça um orçamento para saber, por exemplo, quanto você vai gastar nessa viagem. A partir disso, descubra quanto você precisará economizar mensalmente para que consiga conquistar esse objetivo à vista.

4. Faça um acompanhamento constante

É importante acompanhar as suas finanças com frequência. Algumas pessoas começam a cuidar dos gastos e, após um período, deixam isso de lado. 

O ideal é que você mantenha uma rotina de anotações e a mensuração mensal de como estão os gastos. Assim, poderá fazer ajustes sempre que for necessário.

Também acompanhe o desenvolvimento dos seus objetivos: você está conseguindo poupar a quantia ideal todos os meses para realizar seus sonhos? Se sim, excelente!

É possível melhorar e poupar mais? Se a resposta for negativa, reflita sobre o que você está fazendo de errado e descubra o que precisa ser mudado para que não prejudique a sua vida financeira.

5. Compare preços e compre sempre com listas

Comparar os valores de produtos e orientar suas compras a partir de listas é uma alternativa para diminuir seus gastos, além de facilitar a ação de poupar. 

Toda vez que você for ao supermercado, antes de sair de casa, confira os armários e refrigeradores para descobrir o que está faltando e o que precisa ser comprado.

Com base nisso, elabore e siga uma lista com atenção, sem comprar nada fora do planejamento. Tal atitude ajudará a evitar a compra de itens por impulso, diminuindo os gastos mensais.

6. Reduza seus gastos

Para economizar dinheiro e diminuir as despesas, é interessante tentar negociar com as operadoras de serviços, como telefone e internet. 

Avalie todas as possibilidades de economia. Como citamos, fazer uma listinha de gastos diários vai ajudar na identificação das fontes de suas maiores despesas.

Se você tem um plano de telefone maior que o necessário para o seu uso, é hora de ligar para a empresa e renegociar o pacote, a fim de reduzir o valor.

O mesmo acontece com os serviços de televisão e internet: você realmente consome todos os canais que estão disponíveis? Sua internet excede as suas necessidades mensais? Entre em contato com a empresa prestadora do serviço e solicite a redução do plano (e um desconto!) para diminuir os seus custos.

Como a tecnologia pode auxiliar nesse processo

O planejamento pode ficar ainda mais simples e fácil se você aproveitar a tecnologia. Existem ferramentas no mercado que são focadas em ajudar a entender os seus gastos e os seus rendimentos mensalmente. Bons exemplos são os aplicativos de finanças.

No entanto, você também pode usar uma planilha de controle que permita ser atualizada diariamente. Dessa forma, terá uma noção mais clara e simples de como realmente foi o seu mês e o que precisa ser melhorado nos próximos dias.

O planejamento financeiro é fundamental para a organização das suas finanças e garante segurança mês a mês. Com uma reserva de emergência e um controle dos ganhos e gastos, é possível garantir uma vida muito mais tranquila e segura para você e sua família.

Quer mais dicas sobre como melhorar as finanças e aumentar a sua renda? Siga-nos nas redes sociais e receba novos conteúdos diretamente na sua linha do tempo! Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube.

Cadastre seus serviçosPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

5 thoughts on “Qual a maneira correta de fazer um planejamento financeiro? Entenda!

    1. Olá, Antônio 🙂

      Que bom que gostou da nossa matéria! Agora é só fazer o planejamento e conseguir gerar o seu lucro 🙂

      Grande abraço!

Deixe um comentário