[INFOGRÁFICO] Crise coronavírus: confira 4 dicas para não perder sua renda

Crise coronavírus
6 minutos para ler

O mundo está sofrendo uma grande crise por conta do coronavírus. Para preservar sua saúde, é importante saber mais sobre a doença, como tomar os devidos cuidados e as formas de enfrentar a situação. O objetivo é fazer com que a sua vida e a de outras pessoas sejam pouco afetadas pelo vírus.

Os profissionais autônomos representam, aproximadamente, 41% da força de trabalho do país, por isso, é preciso buscar informações de como sobreviver à crise atual. Neste artigo, preparamos algumas dicas para você evitar que a sua renda fique comprometida durante o período.

Confira todas, coloque-as em prática e aguente firme, pois tudo vai passar!

A crise do coronavírus

O coronavírus foi descoberto no dia 31 de dezembro de 2019, na China. Devido ao mundo globalizado em que vivemos, sua propagação se deu com rapidez e, em pouco tempo, diferentes países já eram vítimas dele. Em março de 2020, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou a pandemia.

O novo coronavírus ataca principalmente o sistema respiratório, provocando desde sintomas semelhantes aos de um resfriado até uma pneumonia mais complexa. Um de seus maiores problemas é a incubação, pois consegue ficar dentro do corpo de 5 a 12 dias, mesmo sem gerar nenhum sintoma. Com isso, muitas pessoas podem estar contaminadas sem saber, espalhando ainda mais o vírus.

A transmissão ocorre principalmente pelo ar ou através do contato. Por isso, é importante sempre fazer uso da máscara, evitando que gotículas de saliva sejam espalhadas no momento em que falamos, espirramos ou tossimos. Também é importante lavar as mãos com sabão após ter contato com objetos ou pessoas contaminadas.

Dicas de como não perder sua renda

A crise teve um grande impacto na vida das pessoas, especialmente em aspectos financeiros. Mesmo assim, é preciso encontrar formas de se adaptar rapidamente, de modo a superar este momento sem sofrer muitas consequências.

Para as empresas, a fase de adaptação foi permitir que os seus funcionários trabalhem de casa, adotando o home office para evitar a propagação do vírus. Porém, para um trabalhador autônomo que presta serviços, não é tão simples assim.

Para conseguir lidar com o novo cenário, é preciso planejar uma reserva financeira. O valor desse montante deve ser suficiente para sobreviver à crise coronavírus. Sendo assim, preparamos 4 dicas para você manter a sua renda. Confira!

1. Leve seu negócio para o mundo digital

Vários tipos de trabalho podem ser realizados de forma não presencial, ou seja, remotamente. Mesmo para aqueles que não se viam exercendo atividades pelo computador, a crise coronavírus mostrou que a adaptação é uma palavra-chave para manter os negócios em pé.

Para a prestação de serviços não seria diferente, já que muitos trabalhos podem ser realizados de forma online, como consultorias, aulas, atendimentos, entre outros.

Por isso, é mais que preciso levar o seu trabalho para o mercado digital e conquistar clientes desse modo. Não é somente uma estratégia para enfrentar a crise atual, mas um novo caminho rumo ao sucesso do seu negócio.

2. Analise os gastos mensais

Muitas contas podem aumentar por causa da necessidade de as pessoas ficarem em casa durante a quarentena, como as despesas de água, luz e gás. Por isso, faça uma análise dos gastos mensais e veja quais podem ser reduzidos ou renegociados com o fornecedor.

Para fazer essa avaliação, é importante questionar: até que ponto é essencial manter determinado gasto dentro do meu orçamento? Também evite fazer compras parceladas, pois representam algo a mais para pagar futuramente, durante um momento incerto de pandemia.

3. Trace cenários e adapte-se à nova rotina

Atualmente, sair de casa é um comportamento que representa um risco para a sua saúde e a de terceiros. A utilização de máscara e álcool em gel é, basicamente, obrigatória.

Muitas outras mudanças foram necessárias para lidar com o vírus. No entanto, a adaptação para algumas pessoas tem sido um grande desafio. Afinal, quem gosta de ficar em casa o tempo inteiro?

Caso você se sinta pressionado com sua nova rotina, é importante traçar cenários e considerar diferentes prazos para tudo voltar à normalidade. Dessa forma, se a pandemia se prolongar mais, precisará fazer algumas alterações na sua rotina para conseguir lidar com isso.

Considere diferentes datas. Pense, por exemplo: “se a pandemia acabar em dezembro, eu preciso fazer o seguinte…”, “mas se acabar em setembro, então, é melhor…”. Quando esses momentos chegarem, você terá preparo para enfrentá-los!

4. Aperfeiçoe suas habilidades e busque alternativas

Mesmo que a quantidade de serviços que você costuma prestar tenha diminuído, é importante aproveitar o tempo disponível de forma que traga benefícios ao seu negócio. Atualmente, muitas empresas têm disponibilizado cursos online gratuitos para diversas áreas.

Com a crise de emprego, o trabalho autônomo também foi impactado. Por isso, é importante considerar outras alternativas para aumentar a sua renda. Existe uma diversidade de aplicativos para você anunciar os seus serviços, e você pode aproveitá-los para aumentar sua renda e não ser tão afetado pela pandemia.

Serviços Remotos

Motivos para contar com o GetNinjas

Uma alternativa interessante é o GetNinjas, a maior plataforma de oferta e procura de serviços. Nela, é possível cadastrar-se de acordo com os trabalhos prestados e, com um pequeno investimento, entrar em contato com clientes que têm a necessidade de contratar a sua mão de obra.

Caso você tenha a possibilidade de prestar o serviço de forma remota, pode encontrar clientes de todo o Brasil pelo aplicativo. No entanto, se precisar prestar o serviço de forma presencial, veja a proteção para autônomos que garante a sua segurança e preserva a sua saúde.

Infelizmente, a pandemia gerou um grande impacto no mercado, ainda mais quando se trata de profissionais autônomos. Leve em consideração as dicas que preparamos para conseguir gerar uma reserva financeira e esperar a crise coronavírus passar, mas com dinheiro no bolso.

Ninguém está sozinho, o mundo inteiro está exposto a esta situação. Por isso, é necessário tomar os devidos cuidados, de forma que tanto a saúde quanto outros aspectos da vida não sejam afetados. E para manter sua renda, cadastre-se no GetNinjas e conte com a oferta de clientes que a plataforma pode oferecer!

Você também pode gostar

Um comentário em “[INFOGRÁFICO] Crise coronavírus: confira 4 dicas para não perder sua renda

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.