Piso sobre piso: confira 5 cuidados dessa técnica

Piso sobre piso
6 minutos para ler

Fazer reformas e renovações em uma casa ou apartamento pode exigir bastante trabalho, visto que as possibilidades de mudar certas estruturas é limitada. Em alguns casos, o custo pode ficar muito além do que seria razoável. Felizmente, existem técnicas que oferecem bons resultados sem exigir tanto de um ponto de vista técnico ou financeiro, sendo muito úteis para quem deseja produzir um ambiente personalizado.

Como o nome já diz, o piso sobre piso é quando você aplica um revestimento novo sobre o antigo sem ter que retirá-lo primeiro. Isso pode cortar uma parte considerável do tempo esperado para a obra e dos custos envolvidos, mas é necessário tomar uma série de cuidados para que o resultado fique bom.

Se você está pensando em utilizar essa técnica, mas não tem muita certeza sobre as implicações, não se preocupe. Vamos falar mais sobre os cuidados a tomar e as vantagens envolvidas. Acompanhe!

5 cuidados que você deve tomar

Por não envolver uma reposição completa do piso, essa técnica pode exigir um pouco mais de atenção que uma obra tradicional. Veja aqui alguns exemplos de boas práticas.

1. Verifique as condições e o nivelamento do piso antigo

Antes de começar qualquer reforma, é sempre bom fazer um laudo técnico da estrutura. E no caso do piso, o mais importante é verificar se há problemas no nivelamento ou possíveis infiltrações e buracos. Afinal, essas condições podem atrapalhar bastante a aplicação da técnica.

O recomendado é que todo o piso antigo esteja devidamente nivelado antes que a argamassa comece a ser aplicada, já que as deformações podem prejudicar a durabilidade do novo material. Problemas estruturais, como rachaduras, buracos e infiltrações, também devem ser corrigidos antes que o revestimento seja instalado, prevenindo futuras complicações.

2. Faça a limpeza correta antes de iniciar o procedimento

Assim como seria feita em qualquer material, uma limpeza adequada de toda a superfície é indispensável para a melhor aplicação do piso sobre piso. Qualquer resíduo que continue no local quando a argamassa e o revestimento novo forem aplicados pode gerar diferentes complicações, incluindo alguma perda de estabilidade ou formação de mofo.

O procedimento em si exige alguma minúcia. É uma boa ideia utilizar produtos e equipamentos específicos para a limpeza de pisos, já que eles oferecem melhores resultados. Tenha certeza de tomar alguns cuidados para que outros resíduos não entrem facilmente no local, pelas janelas e outros cômodos.

3. Ajuste a altura de outros componentes e móveis

Uma das consequências claras da técnica de piso sobre piso é que, depois da aplicação, a altura da base da casa ficará um pouco maior. Afinal, haverá uma camada a mais de piso sobre a antiga, acrescentando alguns centímetros ou milímetros de espessura.

Dependendo do caso, isso pode atrapalhar a organização de algumas partes da casa. Por exemplo, prejudicar um pouco o encaixe de móveis sob medida, especialmente quando ficam muito próximos do teto, além, é claro, dos rodapés, tomadas baixas e volumes que ficam perto das janelas. Caso isso incomode, você pode pedir o ajuste do mobiliário com antecedência, antecipando essa necessidade.

4. Use o tipo correto de argamassa

Existem diferentes tipos de argamassa utilizados em obras, e suas especificações técnicas são desenvolvidas de acordo com a necessidade de cada projeto. Sendo assim, o ideal é que você busque o tipo de argamassa adequado para a aplicação de piso sobre piso e siga as orientações do fabricante em seu preparo.

Vale lembrar que cada argamassa também tem um tempo de cura estipulado, o qual precisa ser levado em conta. Começar a utilizar o cômodo antes do fim do processo de cura pode levar a problemas estruturais um pouco maiores em médio e longo prazo.

5. Fique atento ao uso das ferramentas corretas

O uso das ferramentas adequadas faz toda a diferença na qualidade do produto final. Isso vale para o corte dos novos pisos, a limpeza da área onde será feita a reforma, a adequação do nivelamento e as correções necessárias, entre outras coisas. Com recursos melhores, o processo pode ser executado com mais rapidez, sem incorrer em muitos riscos de erros.

3 vantagens do piso sobre piso

Claro que essa técnica não é usada sem bons motivos. Com sua aplicação, é possível obter uma série de vantagens que não seriam garantidas com meios de construção mais tradicionais. Confira alguns dos principais benefícios.

1. Pouco incômodo para os vizinhos

As obras são famosas vilãs no que diz respeito à paz e tranquilidade de uma vizinhança. Em geral, elas envolvem o uso de martelos, serrotes, furadeiras elétricas, entre outras ferramentas barulhentas que acordam crianças e dão dores de cabeça.

No caso da técnica de piso sobre piso, isso costuma ser um problema bem menor, já que não há a necessidade de quebrar ou retirar todo o revestimento antigo. Só essa praticidade já diminui bastante o ruído produzido.

2. É mais rápido de aplicar

Outro fator que essa técnica tem a seu favor é a velocidade. Enquanto uma troca completa de todo o piso de uma casa ou apartamento poderia levar várias semanas ou meses, uma aplicação sobre a camada atual tende a consumir menos da metade do tempo.

Como resultado, você terá o efeito que buscava mais rapidamente. E, de quebra, também passará menos tempo interferindo na rotina dos seus vizinhos.

3. Exige menor investimento

Por fim, aplicar o piso sobre piso exige bem menos tempo, já que o estágio de retirada do material anterior simplesmente não ocorre. Isso quase sempre implica uma redução da estimativa de custo do processo, tanto do ponto de vista do material quanto da mão de obra.

Agora que você entende melhor a técnica de piso sobre piso, suas vantagens e alguns cuidados a serem tomados para gerar bons resultados, pode planejar sua obra com mais segurança. Se a sua intenção é promover uma melhora rápida em sua casa ou apartamento, então, essa pode ser a opção ideal.

Quer continuar recebendo mais dicas como as que foram apresentadas? Então, curta a nossa página no Facebook e fique sempre por dentro de nossas novidades.

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.