3 dicas para melhorar a instalação de CFTV

instalação cftv
3 minutos para ler

Se você é prestador de serviços e quer aumentar a sua demanda, é importante aprender a oferecer algumas soluções diferenciadas para os clientes. A instalação de CFTV é uma opção que está crescendo cada vez mais e pode ser uma oportunidade para profissionais que querem atuar nessa área.

Você sabe o que é CFTV e como oferecer um serviço diferenciado para o público? Continue a leitura e descubra!

O que é um CFTV?

A sigla significa Circuito Fechado de TV e representa a instalação de um sistema de monitoramento interno, realizado graças ao uso de câmeras distribuídas em pontos estratégicos e conectadas a um sistema central.

As imagens das câmeras são disponibilizadas aos responsáveis pela segurança do ambiente através de monitores. Além disso, o sistema é capaz de auxiliar na gravação dos mais diversos registros. Esses materiais podem ser consultados posteriormente, sempre que necessário.

Quando o CFTV costuma ser utilizado?

O Circuito Fechado de TV é comumente utilizado para monitorar e vigiar edifícios comerciais e residenciais, mas também pode ser instalado em casas e prédios.

Ele permite que os responsáveis consigam visualizar e registrar incidentes que vão desde comportamento indevido até roubos e problemas mais complexos.

As funcionalidades se tornaram tão interessantes que o CFTV passou a ser usado em outros contextos, como no monitoramento aviário, para controle e vigilância com fins ambientais, comportamentais e até na área de segurança do trabalho.

Como melhorar o serviço de CFTV?

Se você trabalha como prestador de serviço e quer se destacar na instalação de CFTVs, precisa ter alguns cuidados no dia a dia para construir uma boa reputação e ser indicado entre os clientes. Veja algumas práticas.

1. Verificar os requisitos

O primeiro passo para melhorar o serviço de CFTV é entender todos os requisitos necessários para a instalação do circuito, garantindo que o processo seja mais simples e prático para o cliente.

Antes de começar o trabalho efetivamente, avalie quais são as possibilidades e se existem gargalos. Caso haja alguma coisa que impeça a execução de um bom serviço, informe o cliente e ajude-o a resolver, de modo que o circuito seja devidamente instalado.

2. Analisar os pontos estratégicos

Quando for instalar as câmeras do circuito fechado, é importante avaliar quais são os pontos mais estratégicos para que seu papel seja cumprido com sucesso. 

Para isso, é fundamental conversar com o cliente, compreender seus objetivos com essa instalação ou o que ele espera e, a partir daí, entender como você pode oferecer as câmeras certas para atender às demandas.

Esse processo é necessário tanto no caso de edifícios residenciais quanto comerciais, para garantir a segurança e o monitoramento devidamente adequado a cada necessidade.

3. Escolher o cabeamento adequado

Para que o trabalho realizado tenha qualidade, é preciso entender se existem gargalos a resolver, levantar os pontos mais estratégicos para a instalação das empresas e, claro, escolher um cabeamento que proporcione segurança aos clientes.

O cabeamento adequado vai reduzir, muitas vezes, as necessidades de manutenção e evitar que problemas possam acontecer no dia a dia.

A busca por instalação de CFTV está crescendo e é importante ter profissionais capazes de atender essas demandas com um serviço diferenciado e de qualidade.

Você oferece esse tipo de serviço e quer aumentar a quantidade de clientes? Que tal utilizar a plataforma do GetNinjas para fechar mais negócios?

Você também pode gostar

Deixe um comentário