Entenda a diferença entre valor e preço e como usá-la a seu favor

diferença entre valor e preço
3 minutos para ler

Já faz muito tempo que os profissionais sabem: o preço é um das coisas que mais pesam para seus clientes. Uma das estratégias comuns é simplesmente baixá-los, mas isso não significa que seu serviço vai atrair mais clientes. Há uma grande diferença entre valor e preço, sendo que ambos os fatores devem ser levados em conta.

As palavras “preço” e “valor” costumam ser usadas no mesmo contexto, mas têm significados distintos, especialmente na hora de fazer seu planejamento. Para entender melhor o assunto e conseguir melhorar o faturamento dos serviços, é importante entender essa diferença e as formas de usá-la a seu favor.

Vamos explicar melhor esses termos e apresentar algumas dicas. Acompanhe!

Qual é a diferença entre valor e preço?

O primeiro passo, claro, é saber o que diferencia as palavras e como isso interfere nas suas decisões. Veja algumas explicações simples.

Valor

O valor de um produto ou serviço é o benefício que ele representa para quem compra. Logo, varia de acordo com a necessidade, oferta, demanda e qualidade. Por exemplo, quando há um vazamento em sua casa, um encanador passa a valer muito mais do que valeria em uma situação normal. Da mesma forma, se alguém coleciona selos, esses itens têm mais valor aos seus olhos.

Preço

Representa a parte monetária, ou seja, quanto você cobra pelo produto ou serviço. É um item mais fácil de estimar, pois depende dos seus custos, dos padrões do mercado e da margem de lucro. O que muitos clientes desejam é conseguir o maior valor possível pelo menor preço.

Como usar o valor para conquistar o cliente na hora da venda?

Agora que você entende a diferença entre valor e preço, deve notar como os dois podem ser usados de formas distintas para conseguir fechar negócio. Veja aqui algumas dicas para começar.

Agregue mais valor ao seu produto

Quanto mais valor estiver incluído no produto ou serviço, mais fácil será fechar negócio. Dessa forma, mesmo que o preço seja um pouco alto, ainda haverá mais pessoas dispostas a arcar com os custos e garantir os benefícios. Mostre seu portfólio de arquitetura, as avaliações de antigos clientes, outros trabalhos e o que mais puder elevar a percepção do cliente.

Use o preço como um diferencial

Quem sabe bem a proporção entre preço e valor em seu produto pode usar isso como vantagem. Por exemplo, se o seu serviço é de alta qualidade e você cobra um preço razoável em comparação com os concorrentes, certamente terá mais clientes. Basta manter a sua margem de lucro em um bom lugar.

Foque nas vantagens do produto em primeiro lugar

Na maioria dos casos, o produto apresenta valor, mas clientes desafiadores podem não notá-lo. Sendo assim, basta que você saiba focar em seus diferenciais e mostre a eles que tem um bom negócio. Deixe para falar do preço depois que o valor tiver sido esclarecido.

Agora que você entende a diferença entre valor e preço, é hora de usá-los para melhorar seus negócios. E se puder contar com uma plataforma profissional, como o GetNinjas, terá condições de agregar bastante valor ao seu perfil divulgado.

Quer saber como? Então, cadastre-se em nosso aplicativo e descubra!

Cadastre seus serviçosPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.